Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Follow by Email

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Translate

Seguidores

sábado, 14 de fevereiro de 2009

Martin Buber e Friedrich Holderlin: O encontro entre o tu eterno e a palavra poética

Martin Buber e Friedrich Holderlin: O encontro entre o tu eterno e a palavra poética

Eduardo Oyakawa

Dissertação de mestrado em Ciências da Religião (PUC-SP)

Data da defesa: 30/09/2005.

Resumo: O presente trabalho tem por finalidade conceber um diálogo entre Martin Buber e Friedrich Hölderlin. Analisando os conceitos principais que caracterizam as obras destes autores, buscou-se mostrar os aspectos epistemológicos e o estatuto teórico que marcaram suas bio-grafias intelectuais. Assim, caracterizamos a ambiência social e política na qual se desenvolveu o cerne do revolucionarismo religioso de Martin Buber e sua filiação ao hassidismo. Depois, percorremos a espessura conceitual de sua principal obra, EU e TU, e mostramos a inextricável adesão aos pressupostos estéticos e filosóficos do romantismo alemão. Em uma extensa biografia de Friedrich Hölderlin, lançamos luz sobre sua prolífica produção poética e lamentável tragédia pessoal. Finalmente, estabelecemos o diálogo entre Buber e Hölderlin por meio da palavra santificada e elegemos a poesia como a linguagem das linguagens, ou seja, a fulguração da criação através da qual o tu eterno irrompe no mundo dos homens.

Nenhum comentário: