Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Follow by Email

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Translate

Seguidores

domingo, 23 de agosto de 2009

Uma câmera voltada para a paz


Os artigos sobre Israel sempre atualizados você encontra aqui.


JB, Caderno B, Pág.7 (23/08/2009)


Documentaristas iniciantes geralmente se voltam a questões próximas de seu cotidiano ao empreenderem seus primeiros trabalhos.


A carioca Julia Bacha, de 28 anos, foi mais longe para registrar realidades que iam ao encontro de sua visão de mundo. Depois de Ponto de encontro (2006), que mostra famílias vítimas do terrorismo que preferiram responder o diálogo à violência como resposta, a cineasta finaliza Budrus has a hammer, que mostra a história de um líder palestino que, com sua filha de 15 anos, conseguiu unir os partidos palestinos Fatah e Hamas, além de israelenses, num protesto pacífico contra o governo de Israel, que construía um muro dividindo os territórios, passando no meio de plantações e de casas. Os ativistas colocaram seus próprios corpos em frente aos tratores, impedindo as obras, e o muro foi transferido para a Green Line, divisa oficial entre os territórios palestino e israelense. Julia acaba de receber um prêmio de US$ 50 mil do Instituto Sundance, de Robert Redford, organizador do maior festival de cinema independente dos Estados Unidos, para a pós-produção do documentário, que será exibido na Independent Film Week de Nova York, com início no dia 19 de setembro.


– O terrorismo é uma forma de teatro, o objetivo não é matar, mas criar um grande evento de mídia, onde todos os jornais vão cobrir, e passar uma imagem de terror – analisa Julia. – Quando abordamos a não-violência temos a chance de criar novos heróis. >>> Leia mais, clique aqui.



G1 (23/08/2009)


Leia mais:


Veja mais:

23/08/2009

22/08/2009

Nenhum comentário: