Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Follow by Email

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Translate

Seguidores

terça-feira, 14 de julho de 2009

Arquivo Maaravi: Revista Digital de Estudos Judaicos da UFMG


Os artigos sobre Israel sempre atualizados você encontra aqui.



Destaque

Arquivo Maaravi: Revista Digital de Estudos Judaicos da UFMG


Revista Quem (14/07/2009)

  • José de Abreu tenta marcar encontro com Steven Spielberg, diz jornal: José de Abreu tenta marcar uma reunião com Steven Spielberg, que dirige uma fundação de apoio à memória judaica, segundo informou o jornal “Folha de S. Paulo” desta terça-feira (14). O ator quer o apoio da entidade para o filme "Onde Porcos Comem Laranjas", que vai abordar a migração de judeus da Bessarábia para o Rio Grande do Sul, no início do século 20.


FSP online (14/07/2009)

  • Mônica Bergamo: José de Abreu tenta apoio de Spielberg no cinema: O ator José de Abreu tenta marcar uma reunião com Steven Spielberg, que dirige uma fundação de apoio à memória judaica. Quer o apoio da entidade para o filme "Onde Porcos Comem Laranjas", sua estreia atrás das câmeras, que vai falar sobre a migração de judeus da Bessarábia para o Rio Grande do Sul, no início do século 20. O ator está procurando três crianças e três "bons atores na faixa dos 30" que falem iídiche, idioma que será usado na maioria das cenas. Recebe inscrições pelo e-mail elencoatores@globo.com
  • Em reunião com judeus, Obama diz ver avanço em debate sobre colônias: O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, indicou a líderes judeus norte-americanos nesta segunda-feira que os EUA e Israel estão fazendo progressos em diminuir suas diferenças sobre a questão dos assentamentos israelenses na Cisjordânia ocupada. Washington exige que todas as construções sejam interrompidas para negociar a paz na região, mas Israel quer manter ao menos a construção de 2.600 casas que correspondem ao "crescimento natural" das colônias.


Estadão (14/07/2009)


CJL (14/07/2009)


Aurora (14/07/2009)


Leia mais:


Veja mais:

14/07/2009

13/07/2009

Nenhum comentário: