Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Follow by Email

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Translate

Seguidores

sábado, 19 de setembro de 2009

Milhares de paulistanos celebram o ano novo judaico

G1 (São Paulo, em 19/09/2009)


Ceia, orações e reflexão marcam a data especial.


Ao menos 60 mil moradores de São Paulo celebram neste fim de semana a chegada do ano novo judaico, o Rosh Hashaná. Pelo calendário judeu, está começando o ano 5770.


A passagem é celebrada com muito simbolismo: a romã é para que os méritos de cada um se multipliquem como as sementes da fruta; a maçã é molhada no mel para que o ano seja bom e doce.


Como manda a tradição judaica, no ano novo as famílias devem se reunir ao redor da mesa e as crianças precisam participar de toda a celebração. Isso é para que elas vivenciem os ensinamentos e levem adiante o que aprenderam.


“Eu gostaria que no ano que vem, se Deus quiser, o nosso mundo seja mais pacífico e menos violento”, disse o jovem Alex Farina, de 13 anos.


A oração do vinho inicia a ceia com alimentos especiais. O peixe representa o desejo de seguir adiante. “Ontem eu fiz o peixe e os meus filhos todos estavam na cozinha comigo, me ajudando a enrolar o bolinho de peixe”, comentou Stella Segal.


O ano novo abre um período de dez dias de reflexão para os judeus, que termina com o Yom Kipur, o dia do perdão.



Veja mais:

Nenhum comentário: