Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Follow by Email

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Translate

Seguidores

quarta-feira, 10 de março de 2010

Metafísica, Mística e Linguagem na obra de Schcomo IBN Gabirol (Avicebron): Uma Abordagem Bergsoniana

Metafísica, Mística e Linguagem na obra de Schcomo IBN Gabirol (Avicebron): Uma Abordagem Bergsoniana: Schlomo Ibn Gabirol foi um pensador judeu que viveu na Espanha sob o domínio islâmico. Sua obra se desenvolveu nos campos da metafísica, ética e poesia. O texto filosófico, escrito em árabe e traduzido ao latim como Fons Vitae, foi utilizado pelos filósofos cristãos medievais que, denominando-o Avicebron, desconheciam sua origem. Sua poesia, escrita em hebraico, foi incorporada à liturgia judaica. Em 1847, Salomon Munk descobriu tratar-se do mesmo homem o que permitiu a tentativa de identificação das diversas fontes que influenciaram as facetas da obra do autor, facilitando um contato maior com o núcleo central de suas idéias. A idéia que inspira este trabalho é a reconstrução da identidade do autor a partir da compreensão de sua obra como reflexo de uma busca mística. Para tal fim, utilizamos uma metodologia desenvolvida a partir das indicações de Henri Bergson, que entende a Intuição como método filosófico, a qual seria alcançada através de uma Imagem Mediadora.

Nenhum comentário: