Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Follow by Email

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Translate

Seguidores

domingo, 28 de dezembro de 2008

Imagens monetárias na Judéia/Palestina sob dominação romana

Imagens monetárias na Judéia/Palestina sob dominação romana

Vagner Carvalheiro Porto

Tese de doutorado em Arqueologia (USP).

Data da defesa: 30/03/2007.

Resumo: Foi nossa intenção neste trabalho estudar a imagética das emissões locais das vinte e três cidades cunhadoras da Palestina, durante os séculos II a.C. ao II d.C., a fim de entender em que medida a tipologia dessas emissões locais revelam a afirmação política e/ou contraposição à dominação romana no caso das populações locais e os aspectos de instrumentalização política da moeda por parte dos romanos. Também foi nossa intenção neste trabalho, a partir dos estudos monetários, analisar a paulatina influência que a civilização romana estabelecera na região da Palestina, assim como seu relacionamento com a cultura grega e hebraica já presentes na região. Para tanto analisamos as moedas que foram cunhadas nas cidades costeiras: Acco (Ptolemaida), Ascalon (Ashkelon), Cesaréia Marítima, Dora (Dor), e Gaza; nas cidades do interior: Jerusalém (Aelia Capitolina), Citópolis (Nysa, Beth-Shean, Beisan), Gaba, Gamala, Marisa (Maresh), Neápolis (Nablus, Shechem), Sebaste (Shomron, Samaria), Séforis (Zipori, Diocaesarea) e Tiberíades (Tveriah) e nas cidades da Transjordânia: Bostra (Beser), Canata (Keneth), Filadélfia (Rabbat Ammon), Gadara (Gader), Gerasa (Geresh), Hippos-Susita, Panias (Cesaréia Filipe, Banias), Pella (Pehal), e Petra (Reqem) durante o período acima apontado; procuramos nos aprofundar no estudo das fontes textuais e da bibliografia existente; e por fim utilizamos os métodos de análise disponíveis para a iconografia monetária de sorte a atingirmos os objetivos propostos.


tdeVagnerCarvalheiroPortoTomo1.PDF (7.25 Mb)

tdeVagnerCarvalheiroPortoTomo2.PDF (48.74 Mb)

Nenhum comentário: