Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Follow by Email

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Translate

Seguidores

quarta-feira, 4 de novembro de 2009

Lévi-Strauss, pai da antropologia moderna


Os artigos sobre Israel sempre atualizados você encontra aqui.



Destaque 1

Considerado o pai da antropologia moderna, pensador que influenciou as ciências humanas com seu projeto estruturalista, o francês Claude Lévi-Strauss morreu sábado, aos 100 anos. A morte do autor de clássicos como “Tristes trópicos” — obra inspirada em sua passagem pelo Brasil, viagem que marcou sua trajetória — foi anunciada ontem pela Academia Francesa.

  • G1 (03/11/2009): Morre aos 100 anos o antropólogo Claude Lévi-Strauss
  • Folha de São Paulo online (03/11/2009): Morre aos 100 anos o antropólogo francês Claude Lévi-Strauss e Saiba mais sobre o estruturalismo
  • Estadão (03/11/2009): Morre aos 100 anos Claude Lévi-Strauss
  • JB online (03/11/2009): Lévi-Strauss: um dos maiores pensadores do século 20 morre em Paris
  • BBC Brasil (03/11/2009): Morre aos 100 anos o antropólogo Lévi-Strauss
  • Último Segundo (03/11/2009): Lévi-Strauss, um dos grandes pensadores do século XX: O antropólogo francês Claude Gustave Lévi-Strauss, que morreu no sábado aos 100 anos, segundo anunciou hoje a editora Plon, é considerado o pai do estruturalismo e um dos grandes pensadores do século XX.
  • Terra Brasil (03/11/2009): Claude Lévi-Strauss, mestre da Antropologia moderna: O antropólogo franco-belga Claude Lévi-Strauss, um dos intelectuais mais importantes do século XX, famoso antropólogo e pai do enfoque estruturalista das ciências sociais, morreu no sábado aos 100 anos, informou nesta terça-feira a editora Plon, sem divulgar as causas e outros detalhes. Nascido em Bruxelas em 1908, Claude Lévi-Strauss influenciou gerações de pesquisadores no campos da filosofia, sociologia, história e teoria da literatura. Ele estabeleceu as bases da antropologia moderna ao mudar a percepção do mundo. As contribuições mais decisivas do trabalho de Lévi-Strauss podem ser resumida em três grandes temas: a teoria da aliança, os processos mentais do conhecimento humano e a estrutura dos mitos. A teoria da aliança defende que o parentesco tem mais a ver com a aliança entre duas famílias por casamento respectivo entre seus membros do que com a ascendência de um antepassado comum. Além disso, para Lévi-Strauss, não existe uma "diferença significativa entre o pensamento primitivo e o civilizado", disse à Agência Efe o professor de antropologia Rafael Díaz Maderuelo, por ocasião dos 100 anos do intelectual. A mente humana "organiza o conhecimento em pares binários e opostos que se organizam de acordo com a lógica" e "tanto o mito quanto a ciência são estruturados por pares de opostos relacionados logicamente", acrescentou. >>> Leia mais, clique aqui.


Destaque 2

  • Revista IHU – edição 313 (03/11/2009): Filosofia, mística e espiritualidade. Simone Weil, cem anos: Filosofia, mística e espiritualidade. Simone Weil, cem anos é o tema de capa da edição 313 da IHU On-Line, de 03-11-2009. Contribuem para a discussão Bartomeu Estelrich, Emmanuel Gabellieri, Giulia Paola di Nicola, Attilio Danese, Maria Clara Bingemer, Fernando Rey Puente e Miguel Ângelo Guimarães Juliano. >>> Leia mais: Simone Weil: Pensamento e ação


O Globo (04/11/2009)


FSP (04/11/2009)


FSP online (04/11/2009)


Estadão (04/11/2009)


JB (04/11/2009)


ZH (04/11/2009)


CB (04/11/2009)


GP (04/11/2009)


Paraná online (04/11/2009)


Terra (04/11/2009)


G1 (04/11/2009)


Último Segundo (04/11/2009)


Uol Internacional / Mídia Global (04/11/2009)


Aurora Digital (04/11/2009)


Bem Paraná (03/11/2009)


Deutsche Welle (03/11/2009)


Leia mais:


Veja mais:

03/11/2009

02/11/2009

Nenhum comentário: